terça-feira, 15 de março de 2011

Fazer o que cidadão?

É de imensa indignação a falta de respeito a nós cidadãos, cada dia a mesma coisa, e cada vez pior, vemos nossas cidades, bairros, ruas, nosso país,  a democracia é linda mas não sai do papel, as ruas cada vez mais cheias de hipócritas banais, e assim vamos ao longo desses anos todos que aqui vivemos, ainda não somos livres e não temos o direito de ser quem nós queremos ser, e eu quero ser livre. Assim vou cada vez mais forte na luta máxima pelo máximo de liberdade possível, sei que toda liberdade não dá, assim não sobreviveríamos, não estudaria-mos e nem trabalharia-mos, morreria-mos de fome, fazer o que né?
LUTE!!!

quinta-feira, 3 de março de 2011

Nosso mundo

Penso positivo sempre, tem que ser assim, penso em meu mundo, não no que os outros pensam e falam do meu mundo, meu mundo só eu conheço e sou feliz nele. Todo mundo deveria ter a mesma consciência, cada um viver seu mundo, e claro respeitando o mundo de cada um, desejando  e preservando o bem pra o mundo de todo mundo, infelizmente as pessoas não são saudáveis, por isso o mundo está assim violento e triste.

Sentimento é uma onda louca viu.

Os sentimentos rolam. Muitas vezes os mais intensos, maiores e maravilhosos em um momento errado, e muitas vezes rolam aqueles passageiros que vem no momento certo porém como disse, é passageiro, logo vai embora, mas pela sua duração passageira no momento em que aparece aquele maior sentimento, no momento errado, onde nada dar certo para ele, o passageiro também está lá atrapalhando.
E nesse mundo de hoje em que somente ficar por ficar é tão normal, e ao mesmo tempo é tão doloroso para aqueles que verem a pessoa amada apenas ficar com alguma outra pessoa por ficar em apenas uma só vez talvez, para estes é o mesmo que namorar e é o mesmo que trair, no mesmo tempo que sabem que não é trair e nem namorar e sim ficar em um momento em que toda essa "ficança" é passageira e está atrapalhando o maior sentimento de ser aproveitado. Lembre-se que tudo tem limite e oportunidades não se podem desperdiçar, a felicidade bate em sua porta.